Cáritas e UNIFEI fazem levantamento das potencialidades da Agricultura Familiar nos municípios de Conceição do Mato Dentro, Alvorada de Minas e Dom Joaquim.

Entre os dias 22 e 25 de fevereiro de 2016 foi realizada a terceira etapa do Levantamento das potencialidades da Agricultura Familiar e Agroecológica das Comunidades Rurais atingidas pela mineração nos municípios de Conceição do Mato Dentro, Alvorada de Minas e Dom Joaquim. Segundo a Professora da Universidade Federal de Itajubá(UNIFEI), Viviane Guimarães, coordenadora da pesquisa, este levantamento teve como objetivo a coleta de dados sobre o perfil dos agricultores nos três municípios, através de uma base de informações sobre a caracterização das unidades familiares (utilização do espaço, fontes de água, infraestrutura), tipos e meios de produção (vocações produtivas, tipos de criação, mão de obra utilizada, uso de insumos, técnicas utilizadas), agroindustrialização e comercialização (infraestrutura das agroindústrias, produtos de referência, locais de comercialização), organização (acesso às políticas públicas, participação em associações, conselhos, movimentos ou outros grupos), além destes aspectos foi abordado também os aspectos culturais e o potencial para o turismo das comunidades.Nesta etapa foram visitadas 20 comunidades nos três municípios, e as informações foram obtidas através de questionários semi-estruturados aplicados às famílias agricultoras, contando com equipe de 14 pesquisadores, entre professores e alunos de graduação e de pós graduação da Universidade Federal de Itajubá e por técnicos da Cáritas.

Marco Alexandre – Assessor Técnico da Cáritas Brasileira Regional Minas Gerais